Você está em:

5 dicas para dormir bem


Dormir mal traz inúmeros malefícios para a saúde e para a vida social: altera o humor, prejudica a memória, atrapalha a imunidade, aumenta os riscos de obesidade e diabetes, e por aí vai... Ninguém merece conviver com aquela sensação de cansaço no dia seguinte, né? Pior ainda é quando o problema é frequente e as noites mal dormidas acabam se "acumulando" como uma bola de neve.

Confira algumas mudanças que podem ajudar a dormir melhor. Vale lembrar que se elas não surtirem efeito, você deve procurar um médico:

Dormindo com os anjos

1. Antes de dormir

Evite fazer atividades estimulantes antes de dormir como exercícios físicos, usar o computador, acessar redes sociais, jogos eletrônicos ou celular. Isso pode aumentar a excitação e atrapalhar o descanso.

Uma hora antes de dormir tente desconectar e relaxar. Faça uma leitura tranquila, um alongamento ou uma meditação. Você pode deixar uma música calma tocando no ambiente para ajudar a relaxar.

Certifique-se de escolher um bom travesseiro, um colchão de qualidade e mantenha as roupas de cama limpas. Arrumar o terreno para o momento do sono é essencial.

2. No clima ideal

Lance mão de ar-condicionado nas versões quente e frio, dependendo da estação, para ter uma noite de sono mais tranquila. Utilize uma roupa confortável para dormir que não deixe você passar frio ou calor. A escolha do tecido é importante para que isso ocorra.

Quem tem problemas respiratórios ou alérgicos, principalmente crianças, pode usar um umidificador no ambiente para dormir melhor.

3. Alimentação leve

Não coma alimentos pesados horas antes de dormir, eles atrapalham a digestão e, consequentemente, o sono. Opte por frutas, cereais ou iogurtes. Chás de camomila, erva doce e cidreira também são ótimos aliados para o relaxamento.

Um copo de leite morno também é uma ótima pedida por conter triptofano, um aminoácido precursor da serotonina – o hormônio do bem-estar. Se você não tiver restrição, inclua mel nas bebidas. O produto tem propriedades calmas que ajudam a relaxar o corpo e a mente.

Não precisamos dizer que você precisa passar longe do álcool, certo? Apesar de muitas pessoas alegarem que bebidas alcoólicas ajudam a dormir, a qualidade do sono não é boa. Ele favorece a apneia do sono (por relaxar os músculos) e faz com que você durma de forma irregular.

4. No escurinho do quarto

Ambientes mais escuros tornam o sono melhor. Use cortinas com blackout para eliminar a claridade que vem da rua. A tática é boa também quando o dia amanhece e você pode dormir um pouco mais. E não deixe a televisão ligada na hora de dormir (além da claridade ela é estimulante, lembra?).

Fique sabendo que um dos hormônios ligado ao sono é a melatonina e ela é justamente melhor produzida pelo corpo quando estamos no escuro. Quando há muita luz, a sua liberação é prejudicada. Uma pequena luminosidade é permitida, mas se for muito forte faz com que o corpo entenda que não tá na hora de dormir ainda. Se você usar um abajur, escolha os de luz laranja: a cor é relaxante.

5. Cama é para dormir

Deitar na cama para usar o computador ou comer atrapalha a percepção que temos dela: a de dormir e ter relações sexuais. Atividades fora disso enganam nosso cérebro. Quando usamos o local apenas para dormir, fica mais fácil de o cérebro fazer a associação e não deixar a insônia tomar conta.   dica vale também para discussões e situações de stress. Evite levá-las para a cama.

Que outras atitudes você toma para dormir melhor? Deixe seu comentário ou dúvida. Até mais!