Você está em:

Aquecedor de água a gás: quais os tipos de gás existentes?


Ao optar por um aquecedor de água a gás existem alguns detalhes que você precisa se atentar para não correr o risco de fazer uma compra errada. Uma característica importante a se definir é o tipo de gás que o seu aquecedor irá consumir. Isso deve ser feito antes da compra do aparelho, caso contrário ele não vai funcionar e você precisará chamar uma assistência técnica para fazer a conversão para o tipo de gás distribuído na localidade.

Se você ainda não sabe qual é o tipo de gás da sua residência procure essa informação no manual da construtora ou pergunte ao síndico do seu condomínio. Com essa informação em mãos fica ainda mais fácil encontrar o aquecedor a gás mais indicado para a sua necessidade.

Veja os dois tipos de gases mais comuns:

Gás Liquefeito de Petróleo (GLP)

O Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) é o gás mais comum existente hoje. É o famoso gás de cozinha vendido em botijão, utilizado na maioria das residências no Brasil. Por ser facilmente armazenado e transportado em forma líquida, ele é o mais vendido e permite fácil abastecimento.

Gás Natural (GN)

O Gás Natural (GN) é fornecido a partir de encanamentos vindos da rua, geralmente utilizado por grandes empresas e postos de combustível em grandes cidades. Nas cidades pequenas o fornecimento deste tipo de gás acaba ficando mais restrito a empresas.

Outro detalhe importante é que com o Gás Natural não é necessário pedir um novo botijão quando o seu acabar, já que você paga pelo consumo e o valor é informado na sua conta de gás. Além, é claro, da economia de espaço.

Agora que você já conhece as diferenças entre os tipos de gases existentes, defina qual você utilizará no seu aquecedor a gás de acordo com a sua necessidade. Até mais!